logo ecomovimento

Reciclagem de Óleos Alimentares Usados em Amarante: O Primeiro Passo do Oleão GOTA

EcoMovimento

Used Cooking Oil

A reciclagem de óleos alimentares usados (OAU) em Portugal, apesar de ainda existir um longo caminho a percorrer, é uma prática que tem estado cada vez mais presente no dia a dia dos cidadãos portugueses.

Desde 2020 que a EcoMovimento tem trabalhado no sentido de fazer chegar o Oleão GOTA ao maior número de portugueses – cerca de 1.200.000 pessoas já têm acesso ao Oleão GOTA, fruta de parcerias de sucesso com 17 Municípios.

Aos dias de hoje, são mais de 500 os Oleões GOTA disponibilizados e prontos a servir o cidadão.

Oleão GOTA Amarante

O Ponto de Partida do Oleão GOTA

Geralmente diz-se que “tudo tem um fim”, mas este artigo serve para enaltecer que o primeiro passo é a chave para o sucesso e evolução.

O primeiro passo da EcoMovimento no setor doméstico e consequentemente do Oleão GOTA, é dado em 2020 com o Município de Amarante, com a instalação de 31 oleões na via pública.

O Município cedo demonstrou prontidão e compromisso para encontrar, o mais rápido possível, uma solução para que todos os Amarantinos pudessem reciclar o óleo alimentar usado produzido em suas casas.

O Cenário Atual

4 anos depois a evolução no Município de Amarante é notória, com a elevada procura do Oleão GOTA a promover um alargamento da rede de oleões disponíveis.

Atualmente, o Município conta com 61 oleões ao dispor de cerca de 50.000 habitantes.

Isto dá, aproximadamente, 1 Oleão GOTA por cada 854 habitantes, garantindo uma cobertura geográfica assinalável para o Município de Amarante.

Estes números revelam a preocupação ambiental e social que Amarante tem, contribuindo para um futuro cada vez mais sustentável a vários níveis:

• Prevenir o entupimento da rede de esgotos;
• Facilitar o tratamento de águas nas ETAR;
• Preservar a saúde e qualidade dos Ecossistemas Aquáticos;
• Diminuir a emissão de gases com efeito de estufa.

Agora, Qual o Próximo Passo?

O (bom) trabalho desenvolvido ao longo destes 4 anos deixa algumas certezas: é necessário continuar a servir as pessoas para reciclarem os óleos alimentares usados e sensibilizar, sempre que possível, para a importância do reaproveitamento desta matéria prima.

Com isto, o próximo passo é simples: continuar a colaborar com o Município de Amarante com a mesma seriedade e compromisso até agora demonstrados.

Tudo tem um fim, mas, neste caso, quanto mais tarde melhor (principalmente para todos os amarantinos).

Recycling is for everyone!

Tag :

Município de Amarante, GOTA, used cooking oil, recycle

Share on:

Recent articles

Ask for more information!